Prefeito sanciona lei que reduz imposto para empresas de tecnologia

O prefeito Vinícius Camarinha sancionou hoje (16) a lei nº 32/2015, de autoria da Prefeitura, que reduz para 2% a alíquota do ISS (Imposto sobre Serviços) para empresas de tecnologia. A solenidade aconteceu no auditório da Prefeitura, com a presença de secretários municipais, vereadores, empresários do setor, diretoria da Asserti (Associação das Empresas de Serviços de Tecnologia de Informação) e diretoria do Univem.

A lei foi aprovada pela Câmara na última segunda-feira e a redução já entra em vigor a partir do próximo ano. A redução da alíquota do ISS era uma reivindicação das empresas de tecnologia da cidade e da Asserti e teve apoio da Prefeitura, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e do Univem.

A redução do imposto para as empresas de tecnologia da informação é mais um passo para instalação do Parque Tecnológico em Marília, já que acaba com a guerra fiscal e atrai novas empresas para cidade. Durante a solenidade na Prefeitura, o presidente da Asserti, professor Elvis Fusco, agradeceu o apoio do prefeito Vinícius Camarinha e do secretário Cassio Luiz Pinto Junior, e disse que essa é uma decisão estratégica de gestão para que a cidade colha os frutos no futuro.

A instalação do parque tecnológico não vai beneficiar apenas indústrias de TI, mas todos os setores. Elvis Fusco explicou que uma cidade com o setor de tecnologia desenvolvido todas as industrias se desenvolvem. “Isso é possível em razão da sinergia que há entre o poder público municipal, o governo do Estado e a universidade”, disse.

O Univem elaborou todo projeto do parque tecnológico e a instituição será a gestora do parque. O reitor do Univem, Luiz Carlos de Macedo Soares, disse que a lei sancionada pelo prefeito abre espaço para novos tempos para indústria de Marília. “O prefeito tem nos apoiado na busca pelo parque tecnológico e haverá um ganho muito grande para cidade. É nos momentos de crise que podemos aproveitar para criar”, disse o reitor.

Para o professor Milton Breda, vice-presidente da Asserti, é uma conquista muito importante para o setor depois de cinco anos de lutas. “A tecnologia da informação está voltada para todos os mercados e essa redução de impostos vai atrair empresas de grande porte para Marília”.

Giuliana Marega Marques, integra a Asserti e atua no desenvolvimento de aplicativos e de softwares de gestão de empresas. Para ela, que também é professora do Univem, a lei vai contribuir para o crescimento do setor na cidade e também para garantir que a mão de obra especializada permaneça nas empresas de Marília. “É importante porque esse setor necessita de profissionais especializados e os alunos que se formam aqui podem continuar em Marília. A medida vai alavancar o setor”, disse ela.

Da Assessoria.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s