O volume de trabalho e obrigações fiscais que as empresas de software vêm sofrendo e a falta de mão de obra qualificada somado ao grande avanço tecnológico são fatores que impedem a evolução de uma empresa de TI crescer em escala, o crescimento das empresas de TI tem sido homogêneo, ou seja, com o aumento do faturamento.
Este cenário foi um dos assuntos tratados na palestra realizada no happy hour ASSERTI (Associação das Empresas de Serviço de Tecnologia e Informação), evento realizado no dia 30 de agosto no auditório Shunji Nishimura no Univem. O palestrante da noite Marcelo Salomão Guimaraes, diretor da Gigatron Franchising, apresentou como conseguiu escalar seu crescimento, e como as ferramentas ágeis ajudaram nesse processo que vem evoluindo a cada dia. Não existe milagre, muito menos mágica, as empresas de software não vão conseguir profissionais rapidamente e com mercado aquecido, o cenário atual é que o futuro vai ser mais competitivo.
A agenda do evento sempre é composta por um momento institucional, onde foram discutidas as atividades da ASSERTI, mais uma palestra com profissional convidado em área que seja de interesse comum do grupo e o encerramento com um coquetel de confraternização com o patrocínio da empresa palestrante. Segundo Elvis Fusco, presidente da ASSERTI, esta é uma oportunidade de estar informado com o que anda acontecendo na ASSERTI e na área de TI em Marília e região e se atualizar em relação à área de software, além de estar conectado com parceiros, profissionais e empresários do setor.
O próximo happy hour acontecerá em novembro. O evento é aberto a todos os entusiastas pela área de TI. A sede da ASSERTI fica localizada na Rua Hygino Muzy Filho, 529 – Sala 104, Telefone: 2105-0800 Ramal: 354. O site da entidade é www. asserti.org.br.
Happy Hour ASSERTI de agosto/2013

Palestra com Marcelo da Gigatron
Palestra com Marcelo da Gigatron

DSC00079

Happy Hour ASSERTI de agosto com o tema Software House: Um Novo Tempo
Classificado como:

Uma ideia sobre “Happy Hour ASSERTI de agosto com o tema Software House: Um Novo Tempo

  • 3 de setembro de 2013 em 15:13
    Permalink

    Penso que será difícil fechar a conta que os empresários do setor de TI da região da ASSERTI almejam: profissional qualificado = salário baixo. Não vai fechar…

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *