Governo de SP confere nível máximo de maturidade ao APL TI Marília

O Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico – SDE, publicou nesta segunda-feira (5/4) a classificação dos níveis de maturidade dos Arranjos Produtivos Locais (APLs) reconhecidos pelo Programa Paulista de Fomento aos APLs.

Dos mais de 60 APLs reconhecidos no estado, somente para 3 clusters foi conferido o nível máximo de maturidade, estando o Arranjo Produtivo Local de Tecnologia da Informação de Marília – APL TI Marília entre eles.

A entidade gestora do APL TI Marília, a Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação – ASSERTI, anualmente envia os dados de recadastramento do cluster, descrevendo suas atividades de integração entre as empresas, instituições de ensino, entidades de classe, governo e órgãos de fomento ao empreendedorismo e à inovação, o que lhe permite comprovar e demonstrar o quão desenvolvido se encontra o aglomerado em termos governativos, produtivos, territoriais e sociais.

O presidente da Asserti e coordenador do APL TI Marília, Elvis Fusco, explica o conceito de Arranjo Produtivo Local: “um APL ou cluster empresarial é um conjunto de agentes de natureza diversa, que participam nas tarefas principais de uma aglomeração produtiva, o que inclui empresas produtoras (de um produto/serviço de um setor específico) e fornecedoras, centros de pesquisa, agentes do governo, instituições do terceiro setor, universidades, entre alguns exemplos), que tenham uma governança e evidenciam relações de cooperação e aprendizado constantes em um determinado território. Esses fenômenos ocorrem em um recorte do espaço geográfico constituído pelo agrupamento de agentes de interesses que consolidam uma identidade coletiva e demonstram a capacidade de promover o desenvolvimento local, estabelecendo parcerias e compromissos para manter e especializar os investimentos de cada um dos agentes no arranjo e seu entorno”.

A Asserti como entidade que detém a governança do cluster é o principal agente de interação entre os diversos atores, atuando de maneira protagonista na organização de ações cooperadas, parcerias e relações interclusters.

A classificação do APL TI Marília no nível máximo de maturidade possibilitará a participação do cluster em editais de fomento estaduais, nacionais e internacionais para resoluções de problemas específicos dos arranjos que estão nesse nível, possibilitando o financiamento de ações estratégicas para o setor de TI.

“Este resultado representa o fruto de um trabalho de 10 anos dos empresários e entidades como a ASSERTI, CIESP e SEBRAE em tornar a região de Marília um polo pujante de desenvolvimento em tecnologia, reconhecido nacional e internacionalmente e demonstra que a indústria de TI da região de Marília está entre as melhores do país, tendo esse reconhecimento já comprovado em diversas oportunidades pelo Governo do Estado e Federal, além dos resultados das empresas aqui instaladas.”, conclui Elvis Fusco.

Confira o resultado no link: https://www.desenvolvimentoeconomico.sp.gov.br/wp-content/uploads/2020/10/resultado_nveis-de-maturidade.pdf

Fapesp e Finep lançam Edital TecNova 2

Lançamento do Edital TecNova 2

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) e a Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP) convidam para o evento

Lançamento do Edital TecNova II
ON-LINE 11 de março de 2021, das 10h às 11h

O objetivo principal do Programa FINEP – TECNOVA II é promover um significativo aumento das atividades de inovação e o incremento da competitividade das empresas e da economia do país. Desta forma, este Edital visa apoiar projetos de inovação que envolvam significativo risco tecnológico associado a oportunidades de mercado.

O público alvo: empresas com sede no Estado de São Paulo, constituídas até 31/12/2019 e faturamento de até R$ 16 milhões.

Inscrições – clique aqui

Luiz Eugênio Mello
Diretor Científico da FAPESP

Marcelo Silva Bortolini de Castro
Diretor da DRCT – Diretoria de Desenvolvimento Científico e Tecnológico da FINEP

Marcelo Nicolas Camargo
Superintendente da APDT – Área de Pesquisa Aplicada e Desenvolvimento Tecnológico da FINEP

Áreas temáticas contempladas na chamada

1. Energias renováveis: solar e eólica

2. Saúde humana e animal

3. Tecnologias agropecuárias e aquicultura

4. Tecnologia da Informação

Webinar: Resultados da Pesquisa de Mercado de TI

A Asserti em parceria com a Advance realizará no dia 22 de fevereiro. às 17h o webinar “Resultados da Pesquisa sobre o mercado de TI” realizada pela ADVANCE com o apoio da Asserti.

Os temas abordados no webinar serão:
• Resultados financeiros das empresas de TI nos últimos 2 anos
• Investimentos feitos em quadro de colaboradores, marketing e vendas até o momento
• Expectativas para o crescimento da economia e mercado de TI para os próximos 3 anos
• Principais estratégias adotadas pelas empresas de TI
• Investimentos previstos em quadro de colaboradores, marketing e vendas
• Variáveis internas e externas que estão tirando o sono dos empresários de TI
• Características das empresas de TI com alta taxa de crescimento

Para participar acesse o link: meet.google.com/sms-pzcc-hmy